LENITA ESTRELA DE SÁ é romancista, contista, poeta, dramaturga e roteirista. Nasceu em São Luís do Maranhão, graduada em Letras e Direito, com pós-graduação em Linguística Aplicada ao Ensino de Línguas Materna e Estrangeira, e publicou as seguintes obras literárias: Ana do Maranhão (Prêmio Arthur Azevedo, concedido pela Universidade Federal do Maranhão,1980, e Prêmio Brasília de Teatro,concedido pela Fundação Cultural do DF, Governo do DF, Secretaria de educação e Cultura do DF e INL - Instituto Nacional do Livro - por unanimidade, 1981); A Filha de Pai Francisco, teatro infantil, publicado em 1995,com prefácio de Ferreira Gullar (Prêmio Apolônia Pinto,concedido pela Secretaria de Estado da Cultura do Maranhão, em 1988; e Prêmio Alice Silva Lima,concedido pela União Brasileira de Escritores – UBE --  em 1997, em virtude da publicação do texto,o que, por sua vez, ensejou Moção de Aplausos da Câmara Municipal de São Luís, em 13.05.97); Reflexo, poesia – prefacio de Josué Montello,1979; No Palco a Paixão -- Cecílio Sá, 50 Anos de Teatro (pesquisa, 1988);  A Lagartinha Crisencrise (história infantil, 2005); Cinderela de Berlim e outras histórias (contos, 2010, Prêmio Gonçalves Dias de Literatura, concedido pela Secretaria de Estado da Cultura do Maranhão); A Filha de Pai Francisco – bumba-meu-boi para crianças (conto infantil, 2015); Pincelada de Dalí e outros poemas (poesia, 2015), com prefácio de Ferreira Gullar (Prêmio Sousândrade, 2010, concedido pela Fundação Cultural do Município de São Luís - FUNC) e A Estrelinha Aparecida (história infantil, 2015).
Participa das seguintes antologias: Antologia Guarnicê, Edições Guarnicê, 1984; Novos Poetas Do Maranhão. São Luís, UFMA,1988; As Aves que Aqui Gorjeiam – Vozes Femininas na Poesia  Maranhense, organizada por Clóvis Ramos, São Luís, SIOGE, 1993; Circuito de Poesia Maranhense, CEUMA, 1995; Dicionário Crítico de Escritoras Brasileiras, organizado por Nelly Novaes Coelho, São Paulo: Escritura Editora, 2002.
As peças teatrais A Filha de Pai Francisco e Ana do Maranhão têm sido objeto de monografias de graduação, respectivamente, nos cursos de Letras da UEMA (Universidade Estadual do Maranhão) e da UFMA (Universidade Federal do Maranhão), tendo sido o primeiro texto também objeto da dissertação de Mestrado da Profª. Lucimar Ribeiro Soares, Professora Assistente de Prática de Ensino de Letras, da Universidade Estadual do Maranhão, com o título A Filha de Pai Francisco – uma leitura sob enfoque propiano.

Referências bibliográficas à autora:

COÊLHO, Nely Novaes. Dicionário de Escritoras Brasileiras. São Paulo: Escrituras Editora, 2002.

CUNHA, Carlos. As Lâmpadas do Sol. São Luís: Editora Fon-Fon, 1980, p.110-111.

DANTAS, José Maria de Souza. Didática da Literatura. Rio de Janeiro: Editora Forense-Universitária, 1982. p.152-153.

FERNANDES, Ceres Costa. Memória do Café Literário. São Luís, Edições AML, 2015.

JESUS, Hagamenon de. Crítica ao livro Cinderela de Berlim e outras histórias. São Luís: Suplemento Literário Guesa Errante, Jornal Pequeno, 03.02.2010.

LEITE, Aldo. História do Teatro Maranhense. São Luís, EDUFMA, 2007.

MARQUES, Oswaldino. Prefácio Fulminado. In: Acoplagem no Espaço. São Paulo: Ed.Perspectiva; [Brasília-DF]: INL,1989. – (Coleção Estudos; v.110).

NERES, José de Ribamar. Na trilha das palavras – estudos literários. São Luís: Café & Lápis; Edições AML, 2015.

_____. Contos de uma estrela. São Luís: Opinião. O Estado do Maranhão, 05.01.2011.

OLIVEIRA, Antônio Guimarães de. Pregoeiros & Casarões. João Pessoa: Gráfica Santa Marta, 2015.

REIS, José de Ribamar. Perfil do Maranhão. São Luís: Editora Prelo Comunicação,1980. p.256.

Copyright 2015 - Todos os direitos reservados para Lenita Estrela de Sá.